Como montar um kit festa do zero para vender

Se você pretende entrar no negócio dos alimentos para vender e tem dúvidas de como montar um kit festa, nós vamos te auxiliar com esse artigo.

Mesmo na crise e com pouco dinheiro, as pessoas querem comemorar suas datas especiais e não dispensam um pacote de doces e salgados na hora de festejar com amigos e familiares.

Para quem compra o kit festa, é mais barato e não dá trabalho nenhum, pois a pessoa recebe tudo em  casa. Para você, é uma oportunidade de ganhar dinheiro porque esse é um setor aquecido e imune a crises.

Se você queria saber como montar um kit festa,  nós vamos esclarecer todas as suas dúvidas nesse artigo. Selecionamos aqui informações preciosas que vão instruir você a começar do zero o seu negócio. Preste atenção!

O que é um kit festa?

É normal a contratação de buffets para festas e eventos e existem no mercado muitas empresas especializadas. Até aí nenhuma novidade. Porém, é preciso entender que o kit festa não é a mesma coisa que oferecer o serviço de buffet, em que é preciso ter uma estrutura maior de atendimento.

VEJA TAMBÉM: Tudo sobre higiene de cozinha industrial

O kit festa é uma encomenda delivery para servir eventos menores, como reuniões e, principalmente, festa familiares, sendo voltado para quem não tem tempo para confeccionar a comida de uma festa e precisa de algo prático sem  ter que pagar os preços de um buffet.

Geralmente, num kit festa, se oferecem doces e salgados com duas ou três opções, podendo incluir também torta ou bolo. Há quem ofereça também os refrigerantes e materiais descartáveis, como guardanapos, garfos, facas e copos de plástico,

Entendeu a diferença entre kit festa e buffet? A montagem de um kit festa para vender passa pela compreensão que este é um pacote de produtos e serviços para eventos menores, onde é preciso trabalhar com rapidez e qualidade, com preços que valem a pena.

Como montar um kit festa

Comece focando em um público só

Você não vai conseguir começar o seu negócio atendendo todo tipo de festa. Dificilmente você terá estrutura para atender a todos com alta qualidade. Por isso, você deve se direcionar a um público segmentado no início do seu negócio.

Para escolher o público-alvo, você precisa fazer uma pesquisa na área que você pretende atuar, analisar os gostos e preferências das pessoas, perceber o que está faltando para ocupar espaços. Por exemplo, você pode começar com pequenos eventos empresariais ou então festas de aniversário de criança e batizados.

Assim, você poderá atender melhor todas as suas expectativas, ganhando experiência e construindo uma cartela de clientes para poder então expandir. Depois que você definir o seu público, você poderá então entender as suas necessidades e resolver suas demandas com maior eficácia e rapidez.

Não tenha vergonha de começar pequeno, trabalhando com um nicho só. Na verdade, suas chances de prosperar serão maiores atendendo a um só público.


Estrutura para trabalhar

Trabalhando em casa ou não, você vai precisar de uma estrutura mínima para vender o kit festa. Será preciso produzir os alimentos, embalar e depois entregar a domicílio.

Isso significa que serão necessários um espaço, equipamentos e pessoas que trabalhem com você. Se você quiser ter sucesso e começar a ganhar dinheiro, alguns investimentos serão necessários.


Estrutura

Será preciso um espaço considerável para produzir e depois embalar os salgados fritos ou assados, doces, bolos e tortas do kit festa.

O local de trabalho precisa ser amplo o suficiente para você e outras pessoas trabalharem sem ficar se esbarrando nos equipamentos ou derramando os produtos que fazem.


Equipamentos

Algumas ferramentas e equipamentos será necessário adquirir para implementar o seu empreendimento. Freezers são indispensáveis para acondicionar os alimentos. Forno e fogão, industriais ou não, deverão atender à sua capacidade de produção pretendida.

Depois temos os utensílios de confeitaria, assadeiras, formas para doces e salgados, tudo condizente com as quantidades que você pretende produzir. Não se esqueça de um liquidificador e batedeira que sejam potentes.


Mão-de-obra

Não contrate um monte de gente logo de cara, mas ao menos uma pessoa você deverá ter para lhe ajudar na confecção dos doces e salgados. Convide alguém da família, mãe ou irmã, uma amiga, vizinha colega. Tanto faz! Tem que ser alguém esteja disposto a trabalhar e a dar o melhor de si para o sucesso do negócio.

Você precisa equacionar também a questão da entrega do kit festa. Se você tiver um carro, melhor, para não depender de serviços particulares de entrega de encomendas.

Há quem ofereça um desconto se o cliente for pegar o kit, mas achamos que isso não agrega muito valor ao seu negócio.


Divulgação do seu negócio

As redes sociais são os grandes impulsionadores deste tipo de negócio. Encontre o grupo de sua área no Facebook e divulgue o seu trabalho por lá. Invista em boas fotografias de sua produção e faça um perfil também no Instagram.

Uma coisa legal de fazer é realizar um dia de degustação do kit festa. Em um sábado ou domingo, convide as pessoas para irem  provar a sua produção. Fale com todo mundo que você conhece. O boca a boca é fundamental nesse tipo de negócio.


Quanto é preciso investir?

A maior dúvida que as pessoas tem é quanto terão que investir para começar a produzir kit festa para vender. Isso é muito relativo, vai depender dos seus objetivos e da estrutura que você pretende montar.

O que podemos dizer é que com 3.500 reais você pode dar o pontapé de saída no seu negócio.

Como legalizar o seu negócio

A opção mais apropriada para um negócio que vai começar pequeno é abrir uma empresa MEI – Microempreendedor Individual. Uma das coisas que influenciam sobre como abrir uma empresa MEI é que o faturamento anual só pode ser no máximo de até R$60.000 – o que significa R$5.000 ao mês.

Além disso, não pode existir participação de outra empresa ou sócio. Se tiver dúvidas é só procurar o Sebrae ou um contador, que receberá a orientação passo a passo.

VEJA TAMBÉM: Qual valor cobrar na venda de salgados?

Agora que você já sabe o que precisa para produzir kit festa para vender, que tal começar a trabalhar? Com essas dicas, já dá para meter as mãos na massa e dar um novo rumo à sua vida. Seja o dono do seu próprio destino e construa a vida que sempre sonhou!

Se você gostou deste artigo, partilhe com seus amigos e familiares. Não se esqueça de curtir e deixar o seu comentário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *