pierogi

3 tipos de salgados que talvez você não conheça

O mercado da venda de salgados está sempre se diversificando e novos tipos de salgados surgem a cada dia, partilhando o mesmo espaço que as opções clássicas e já consolidadas no cotidiano do consumidor.

Para quem tem uma fábrica de salgados e quer atingir novos públicos, a variedade na ofertas de salgados é uma das estratégias mais importantes para ampliar sua atuação e alcançar novos mercados. 

Tipos de salgados que talvez você não conheça

No entanto, a criação de novos tipos de salgados vai exigir que sua empresa tenha já uma reputação bem consolidada perante os consumidores, posição essa que é conquistada com o fornecimento de salgados tradicionais, com o máximo de qualidade e eficiência.

Depois de ter seus produtos já reconhecidos e posicionados no mercado, pode ter chegado o momento ideal para começar a investir em alternativas diferenciadas no seu cardápio.

VEJA TAMBÉM: As 3 melhores embalagens para salgados

Para ajudar você nessa tarefa de encontrar novas opções para o seu negócio de venda de salgados, selecionamos 3 tipos diferentes de salgados que utilizam maquinário e matéria-prima semelhantes aos salgados tradicionais, podendo ser facilmente produzidos na sua fábrica: 

1 – Chipa

tipo salgados chipa


É bem provável que você já tenha experimentado a chipa em alguma ocasião, mas não se lembra exatamente como se chama.

A chipa é um salgado de origem paraguaia com uma receita muito parecida com a do pão de queijo, mas com algumas diferenças. Ao contrário da tradicional bolinha que caracteriza o pão de queijo, o formato da chipa é em forma de U ou ferradura.

Na sua composição, o salgado leva também manteiga, ovos e leite, sendo elaborado à base de polvilho e queijo. Se você já vende pão de queijo, a chipa pode ser uma oportunidade de maximizar suas vendas. 

Pra fazer a chipa, é bem fácil o procedimento. Misture o polvilho doce, o queijo, o sal, a manteiga e os ovos, em seguida, vá colocando o leite aos poucos.

Quando a massa estiver pronta, confeccione a chipa no formato característico e depois leve ao forno por aproximadamente 15 minutos.

Se você possui já uma máquina de salgados, pode fabricar chipa em alta escala e com facilidade na sua fábrica, para depois vender em embalagens especiais.

2 – Pierogi

tipo pierogi

Com origem no leste europeu (a pronúncia em russo é piraguí), esse salgado é muito semelhante ao nosso velho conhecido calzone, ou pastel assado. O formato é semicircular, lembrando uma meia lua, mas pode ter outras apresentações.

Os recheios são outra diversidade do pierogi: a massa segue uma receita padrão, mas o recheio pode ser tanto de frango ou queijo como de frutas ou creme de leite. 

Feito basicamente de farinha, ovos e água, o pierogi pode entrar facilmente no cardápio de festas e lanchonetes, aumentando a oferta dos salgados servidos ao público. Além do mais, adiciona um componente de variedade ao possibilitar recheios dos mais variados tipos. 

3 – Croquete

Um pouco esquecido nas lanchonetes brasileiras, o croquete continua sendo um salgado tradicional da culinária brasileira.

Muito popular no Brasil e em Portugal, o croquete é uma adaptação holandesa de um salgado francês que levava todo tipo de recheio, com a receita sendo hoje repetida e adaptada em diversas regiões do nosso país, sendo que o recheio mais usado é o de carne bovina desfiada ou moída.

Por aqui, encontramos facilmente versões com bacalhau, frango e até camarão, dependendo da região do país.

A nossa cultura incrementou a receita, acrescentando cebola, alho, pimenta e pimentão aos ingredientes, criando novas variedades do salgado, que ainda poder ser também vegano e vegetariano, nesse caso sendo feito à base de proteína de soja. 

VEJA TAMBÉM: Como montar um negócio de salgados delivery

O que acha de acrescentar esses três salgados ao cardápio? Com o maquinário especializado, não tem segredo nenhum passar a oferecer opções como essas, aumentando a variedade de tipos de salgados oferecidos aos seus clientes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *